Alguns aspetos da teoria da carga cognitiva (e não só) que todos os professores devem conhecer

Criado em 22 Apr 2016 16:29 por acaetano , última actualização em 26 Apr 2016 15:49


António Caetano
(Departamento de Matemática da Universidade de Aveiro)

Resumo

A teoria da carga cognitiva estabelece um enquadramento teórico para a interpretação, e mesmo para a previsão, de certos efeitos (desejáveis ou indesejáveis) no processo de aprendizagem ao utilizar-se um dado método de instrução. Nesta palestra, começaremos por referir alguns aspetos básicos desta teoria e da sua aplicação ao planeamento da instrução, passaremos depois à apresentação de alguns dos métodos de instrução mais eficazes conhecidos (tendo como base o celebrado estudo de J. Hattie publicado em 2008) e referiremos ainda algumas das mais eficazes técnicas de aprendizagem que, do ponto de vista das psicologias cognitiva e educacional, os próprios alunos poderiam implementar. Finalmente, procuraremos extrair algumas implicações de tudo isto para o processo de ensino-aprendizagem no terreno, dentro do enquadramento existente no nosso departamento, e discutir algumas possíveis soluções técnicas para os problemas encontrados.


Slides da palestra


Vídeo da palestra

Seminário realizado no Departamento de Matemática da Universidade de Aveiro e financiado através do CIDMA - “Centro de Investigação e Desenvolvimento em Matemática e Aplicações” e da FCT - “Fundação para a Ciência e a Tecnologia” no âmbito do projeto UID/MAT/04106/2013. Ver anúncio aqui.

Avalie este poster

rating: 0+x

Comentários:

Add a New Comment

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-Noncommercial-No Derivative Works 2.5 License.