Nove princípios da psicologia cognitiva que todos os professores devem conhecer

Criado em 19 Feb 2015 19:02 por acaetano , última actualização em 07 Sep 2015 18:08


António Caetano
(Departamento de Matemática da Universidade de Aveiro)

Resumo

Esta palestra pretende abrir o apetite para a leitura do livro “Why don’t students like school?”, de Daniel Willingham, apresentando os nove princípios da psicologia cognitiva que orientaram a escrita do mesmo. Porquê nove e não um número redondo como dez? Daniel Willingham responde: “A verdade é que não conheço mais de nove. São nove princípios que são tão fundamentais para o modo como a mente funciona que não variam com as circunstâncias. São tão válidos na sala de aula como no laboratório e portanto podem ser seguramente aplicados em situações de sala de aula. Além disso, foram selecionados por também obedecerem aos seguintes três critérios: (1) a diferença entre usar ou ignorar um deles tem que se refletir num grande impacto na aprendizagem; (2) tem que haver uma quantidade enorme de dados, e não apenas uns poucos estudos, que suportem o princípio; (3) o princípio tem que sugerir aplicações na sala de aula que os professores possam ainda não conhecer.”

Guião da palestra


Vídeo da palestra

Seminário realizado no Departamento de Matemática da Universidade de Aveiro e financiado por fundos portugueses através do CIDMA - “Centro de Investigação e Desenvolvimento em Matemática e Aplicações” e da FCT - “Fundação para a Ciência e a Tecnologia” no âmbito do projeto UID/MAT/04106/2013. Ver anúncio aqui.


Avalie este poster

rating: 0+x

Comentários:

Add a New Comment
Page tags: seminário_mateas

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-Noncommercial-No Derivative Works 2.5 License.