Perceções dos estudantes sobre a função do ensino

Criado em 18 Mar 2015 16:51 por Margarida Pinheiro , última actualização em 07 Sep 2015 18:08


Margarida M. Pinheiro
(Instituto Superior de Contabilidade e Administração da UA)

Resumo

Com o presente trabalho pretendemos contribuir para o debate sobre as implicações da utilização de metodologias ativas na criação de conhecimento no Ensino Superior. Entre as várias mudanças que têm vindo a marcar a vida das Instituições de Ensino Superior (IES), a temática da adaptação, construção e divulgação dos caminhos metodológicos tem vindo a constituir-se como um elemento central dos contextos formativos. Assim, começamos por colocar no centro do debate a problemática dos (novos) paradigmas da função do ensino superior relacionados com o modelo concetual proposto por Bolonha: uma ideia de ensino que valoriza metodologias ativas que atendem aos diferentes estilos de aprendizagem dos estudantes. Induzida pelo corpo docente e promovida pelas próprias instituições, a visibilidade de (boas) práticas educativas concretas que, por terem a intenção de contribuir para que estudantes e docentes atinjam um grau mais elevado de realização das suas capacidades, parece justificar a necessidade de reflexão sobre questões pedagógicas ao nível do superior. Ao longo deste trabalho, destacamos um ambiente específico que utiliza metodologias ativas de aprendizagem orientadas como respostas metodológicas a diferentes estilos de aprendizagem. Sustentados neste conjunto de preocupações pretendemos explorar de que forma ambientes ativos decorrentes do uso de: (1) elementos de tratamento personalizado, (2) elementos organizativos, (3) elementos de concentração, (4) elementos de participação e (5) elementos de suporte influenciam e regulam a motivação dos estudantes. O estudo empírico desenvolve-se no contexto da unidade curricular de Estatística do plano de estudos da licenciatura em Marketing, disponível no ISCA-UA. Como estratégias para a recolha e análise dos dados elegemos o instrumento do questionário e uma abordagem estatística descritiva. Consideramos que os principais contributos deste trabalho se situam no realce da motivação baseada no respeito pela individualidade do estudante, quer no que se refere à estratégia de desenvolver neste a confiança necessária ao seu envolvimento mais ativo, quer no que respeita à utilização de diferentes estilos de aprendizagem quer, ainda, na utilização de práticas de organização indutivas. Tomando por base estas circunstâncias, desejamos que o conjunto de experiências metodológicas atomizadas que vão sendo divulgadas e debatidas passem a constituir-se, em si mesmas, como conhecimento sobre a função do ensino, de uma forma mais sistemática e consolidada.


Vídeo da palestra

Seminário realizado no Departamento de Matemática da Universidade de Aveiro e financiado por fundos portugueses através do CIDMA - “Centro de Investigação e Desenvolvimento em Matemática e Aplicações” e da FCT - “Fundação para a Ciência e a Tecnologia” no âmbito do projeto UID/MAT/04106/2013. Ver anúncio aqui.


Avalie este poster

rating: 0+x

Comentários:

Add a New Comment
Page tags: seminário_mateas

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-Noncommercial-No Derivative Works 2.5 License.